fbpx

Open House Porto abre portas a 60 espaços

Open House Porto

Na apresentação da iniciativa, para o evento Open House, os curadores Ivo Poças Martins e Paula Santos salientaram que poderão ser visitadas algumas obras cuja existência sempre se conheceu, mas que “nunca conseguimos ou arriscámos visitar”.

Torre de Retransmissões do Monte da Virgem

Citaram como exemplos o Hospital Conde Ferreira, o Cemitério do Prado do Repouso, o túnel de caminho-de-ferro desactivado entre São Bento e Campanhã, no Porto, ou a Torre de Retransmissões do Monte da Virgem, em Vila Nova de Gaia.

A 3.ª edição do Open House Porto que se realiza em Vila Nova de Gaia, vai oferecer um roteiro com 60 espaços, mais nove do que na edição anterior.

Torre de Retransmissões do Monte da Virgem, em Vila Nova de Gaia.

Modernidade e sofisticação

Completam esta lista algumas estructuras novas que dão “um sentido de modernidade e sofisticação” às zonas onde se inserem como o Metro do Porto, o i3S ou a recuperação da Real Vinícola para a Casa da Arquitectura.

A 3.ª edição do Open House Porto que se realiza em Vila Nova de Gaia, vai oferecer um roteiro com 60 espaços, mais nove do que na edição anterior.

Recuperação da Real Vinícola para a Casa da Arquitectura.

Álvaro Siza Vieira

Das edições anteriores repetem-se obras que, do ponto de vista da arquitectura, são consideradas incontornáveis, como as primeiras obras de Álvaro Siza Vieira, em Matosinhos ou, por exemplo, a Casa da Música, no Porto.

A 3.ª edição do Open House Porto que se realiza em Vila Nova de Gaia, vai oferecer um roteiro com 60 espaços, mais nove do que na edição anterior.

Uma das primeiras obras de Álvaro Siza Vieira – Casa da Música.

Mosteiro da Serra do Pilar

Juntam-se referências históricas como o Mosteiro da Serra do Pilar e, pelo caminho, em Gaia, Matosinhos e Porto, somam-se edifícios da Baixa comercial burguesa até às ilhas reactivadas, entre outros exemplos.

Contemplação da Igreja dos Grilos, através do Cais da Ribeira – Porto

Previsão da edição do evento

A edição deste ano prevê 156 visitas comentadas por 75 especialistas e autores do projecto. Este ano, quatro novas cidades passam a integrar-se no mapa: San Diego, Santiago, Bilbao e Atlanta. Portugal é considerado um caso singular por ser o único país que agrega três grandes cidades em simultâneo.

 

Adaptado de: Jornal de Noticias