PATA – Plataforma de Acolhimento e Tratamento Animal

  • por

“PATA” vai tornar o Município exemplo nacional na defesa da causa dos animais
19-02-2016

O Município de Gaia vai investir 600 mil euros na nova Plataforma de Acolhimento e Tratamento Animal – a chamada “PATA”. O novo espaço, a ser inaugurado dentro de dois anos, será inserido num novo parque urbano a construir junto ao Parque Biológico. A ideia passa por acrescentar mais valências ao atual Centro de Reabilitação Animal.

“Vai ser muito mais do que um espaço para ter os animais. Vai ser um espaço para acolher os animais, para os tratar e, acima de tudo, um espaço para formação”, explicou a vereadora Elisa Cidade, na sessão que marcou a apresentação do projeto.

O novo parque urbano terá uma área de 36 mil m2. A intervenção englobará a requalificação de um moinho e de uma casa de lavoura. A “PATA” terá o quádruplo da superfície do Centro de Reabilitação Animal e contará, como novidades, com uma maternidade, um gatil e um espaço recreativo. Haverá um aumento do número de jaulas e de sessões de formação.

“Não vai ser apenas a mudança de espaço. A “PATA” vai representar uma mudança de mentalidades e de posturas”, salientou Elisa Cidade.

O projeto é da responsabilidade do arquiteto municipal Ângelo Assis. A sessão de apresentação realizou-se no Parque Biológico de Gaia. O final do evento ficou marcado por um momento musical e por uma declamação de poesia por parte dos alunos do 4º ano da Escola Básica Fernando Guedes.

Etiquetas:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *